Como Terceirizar Serviços, sem (PERDER O CONTROLE)?

Abrir uma empresa já é um grande desafio e para que tudo dê certo, é fundamental que você conte com profissionais competentes sejam eles seus funcionários ou empresas terceirizadas.

Para terceirizar alguns serviços ou etapas de processos da sua empresa sem perder a qualidade, é preciso seguir alguns passos fundamentais para manter a competitividade e não perder completamente o controle.

 

Passo 1: Redefinição e distribuição da produção

Como seu produto já estará claramente definido após o estudo de mercado, é preciso dar um passo adiantes, checando e redefinindo as etapas da produção, para poder reconhecer quais as fases mais críticas que podem ser melhoradas.

Divida a produção do seu produto em cada uma das etapas e componentes necessários, antes que ele esteja pronto para distribuição. Após esta divisão, veja quais etapas podem ser repassadas a terceiros.

E nunca entregue a produção completa a outras pessoas ou empresas sem ligação direta com sua empresa. Garantir que nenhum de seus fornecedores e parceiros sabem completamente tudo sobre seu produto é fundamental para a manutenção da competitividade.

Passo 2: Defina o que jamais será terceirizado

Além das fases de produção, também há algumas áreas possíveis de serem terceirizadas e outras que não podem se distanciar da sua gestão direta, por isto, é importantíssimo definir claramente as etapas que pertencem ao núcleo de competência estratégica da sua empresa.

Passo 3: Construa uma rede de parcerias confiável

A próxima etapa para implantar um processo de terceirização é encontrar e negociar os parceiros certos. É preciso trabalhar na construção de uma rede de fornecedores confiáveis.

Para isto, deve-se pesquisar muito e não se limitar apenas em firmar acordos com parceiros mais conhecidos. Considerar startups com projetos inovadores pode acabar sendo uma boa opção.

Entreviste as melhores opções, negocie e mantenha um relacionamento mesmo com os que não se tornaram sua opção número um, pois havendo necessidades futuras, este relacionamento pode ser uma boa saída.

Passo 4: Deixe suas expectativas claras

Além da negociação e conversas constantes, também é importante determinar e materializar por escrito as expectativas, metas e planejamento das atividades que sua empresa terá com este novo parceiro.

Neste documento, inclua informações sobre a atividade a ser desempenhada, prazos para conclusão, custos e demais informações que julgar fundamentais para garantir o entendimento. Para facilitar a criação do modelo deste contrato, utilize este modelo básico de informações:

  • Especificações – definições claras sobre o que você está pedindo a seu parceiro.
  • Marcos – definição dos objetivos que precisam ser alcançados antes de uma parte do processo terceirizado ser considerado finalizado.
  • Timeline – a duração da realização para que o projeto seja concluído
  • Frequência das reuniões – deixe claro as quantidades e datas das reuniões e demais formas de contato.
  • Condições de pagamento – negocie os valores, prazos e condições para chegar ao melhor preço possível, mas sempre de forma coerente para achar um acordo justo para ambos os lados e não afugentar o parceiro.

Nunca ignore estas etapas para ir direto ao trabalho, pois desconsiderar qualquer uma destas fases poderá fazer com que seu processo de terceirização perca o foco e saia do controle da sua empresa..

No Comments Yet.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *